Em Santa Rita do Pardo empresário é rendido e agredido por criminosos durante assalto

308
Imagem:Celso Santos

Da Hora Bataguassu

Assaltantes ainda não identificados renderam e assaltaram um empresário de Santa Rita do Pardo na noite desta segunda-feira (8).

De acordo com o boletim de ocorrência a vitima de 45 anos foi rendida pelos criminosos por volta das 22 horas, quando chegava em sua residência localizada na área central. Aos policiais a vitima contou que no momento em que estacionava seu veículo na garagem, dois indivíduos adentraram para o interior da residência e de posse de uma arma renderam a vitima, o colocaram um capuz em sua cabeça e o amarraram.

Ainda na delegacia a vítima contou aos policiais, que durante a ação os criminosos  o agrediram por diversas vezes e realizavam ameaças, falando que sabiam que a vítima era um forte empresário da cidade e dizendo que também sabiam que o mesmo tinha envolvimento com contrabando de cigarros e por isso sabiam que na residência possuía muito dinheiro guardado, e que se caso não entregasse iriam levar para o “meio do mato” e o matariam. Ainda durante a ação os criminoso teriam chego a jogar bebida alcoólica sobre a vítima, dizendo ser álcool e caso não mostrasse onde estava o dinheiro iriam atear fogo e queimá-lo vivo.

Ainda em relato, a vítima contou que permaneceu por cerca de duas horas em poder dos criminosos e antes da fuga eles teriam feito diversas ameaças, que ficou amarrada no interior da casa, sendo que logo após se soltar conseguiu entrar contato com um irmão que prestou socorro e acionou a policia militar.

Na fuga os criminosos levaram uma televisão, três espingardas, várias peças de roupas, um aparelho celular, um veículo Hyundai Sonata e o cofre, que segundo a vítima possuía uma alta quantia de dinheiro, não sendo precisar o valor exato.

Logo após ser acionada a Policia Militar iniciou rondas, vindo a localizar o veículo Sonata abandonado próximo ao lixão da cidade. O veículo foi encaminhado a delegacia, onde deverá passar por pericia técnica.

O caso sendo investigado pela Policia Civil da cidade e até o momento nenhum suspeito ainda foi identificado.

COMPARTILHAR