Helicóptero procura caçadores e pescadores

238
Divulgação

O helicóptero Grupamento Aéreo da Polícia Militar está em operação em busca de caçadores e pescadores flagrados em ações ilegais em Mato Grosso do Sul. A aeronave da apoio a operação Corpus Christi e seu braço voltado às atividades de pesca, primeira fase da “Big Fish” da Polícia Militar Ambiental (PMA).

A aeronave foi solicitada pela PMA após fugas de pescadores nos municípios de Porto Murtinho, Bela Vista, Bataguassu e Jardim, bem como de possíveis caçadores em Batayporã e Mundo Novo.

A aeronave permanecerá na operação até o seu término na segunda-feira (15), caso não aconteça alguma ocorrência grave no Estado que necessite dela. Os drones que já são conhecidos dos pescadores estão servindo como prevenção, porém, os infratores estão fugindo também só de ouvirem o barulho do aparelho ao longe, com medo de serem filmados e identificados.

De qualquer forma, os drones têm racionalizado recursos humanos e materiais nas fiscalizações, que no caso desta modalidade voltada à pesca, evita deslocamentos de embarcações, onde não são avistados pescadores.

A vantagem do uso do helicóptero é que, embora a função primária da PMA seja a prevenção, a prisão de praticantes de pesca predatória é fundamental no sentido de dissuadir os criminosos nessa prática ilegal.

Nesta operação, a PMA tem conseguido intento de prender infratores pescando com petrechos com alto poder de captura, como redes e tarrafas, sem que eles tenham conseguido capturar nenhum pescado, pois as equipes têm chegado em início das pescarias ilegais. Mesmo os elementos que estão conseguindo fuga, não estão conseguindo capturar pescado.

COMPARTILHAR